Análise: Dropmix, da Harmonix

A utilização de elementos digitais em boardgames não é exatamente uma novidade, apesar de sua aplicação ainda se dar de uma maneira bastante restrita, temos alguns exemplos amplamente conhecidos, tais como XCOM e Mansion Of Madness: Segunda Edição, lançados aqui no Brasil pela Galápagos Jogos. Tal integração permite ampliar a experiência oferecida aos jogadores, abrindo toda uma nova gama de possibilidades antes impensáveis.

Continuar lendo Análise: Dropmix, da Harmonix

Compartilhe: