Análise: Córtex Desafios, da Mandala Jogos

Córtex Desafios foi um dos jogos festivos mais divertidos que joguei recentemente. Lançado no Brasil pela Mandala Jogos, ele apresenta 8 tipos de Desafios distintos que variam entre diferentes possibilidades de utilização de Memória e Reconhecimento de Padrões combinados com Ação Simultânea para testar a capacidade mental de 2-6 jogadores. Seu preço está na faixa dos R$70, o que o torna ainda bastante competitivo, principalmente pelo seu diferencial de possuir cartas texturizadas.

Continuar lendo Análise: Córtex Desafios, da Mandala Jogos

Compartilhe:

Análise: Sirvam o Rei, da TGM Editora

Sirvam o Rei, do game designer Joshua Kritz, é uma primeira tentativa muito necessária da TGM Editora de lançar um jogo pequeno e de baixo custo. Com uma caixinha que cabe no bolso e valor abaixo da linha dos 50 reais, o jogo para 3-6 jogadores é uma combinação de Memória e Gestão de Mão, com algumas doses de Toma Essa e Blefe. Destaque para a bela arte de Diego Sá.

Continuar lendo Análise: Sirvam o Rei, da TGM Editora

Compartilhe:

Bate-papo sobre a arte do jogo Sereias

Com menos de uma semana de campanha, Sereias conseguiu na última sexta-feira (26) bater 100% da meta no financiamento coletivo. Coincidentemente, no mesmo dia já estava marcada uma live com as responsáveis pelo belo visual do jogo: Mariana Livraes (ilustração) e Jessica Lang (design gráfico).

Continuar lendo Bate-papo sobre a arte do jogo Sereias

Compartilhe:

Análise: Sherlock, da Mandala Jogos

Sherlock é o jogo com a melhor relação custo-benefício que eu já adquiri desde entrei no hobby. É diversão para 3-4 jogadores (não vale a pena para 2 jogadores) por apenas R$35. Como se isso já não fosse suficiente, ele ainda é bonito e possui uma boa qualidade. Com poucos componentes e regras bastante simples, ele consegue transmitir perfeitamente o tema investigativo proposto. Tudo isso em partidas de 15 minutos em média de duração.

Continuar lendo Análise: Sherlock, da Mandala Jogos

Compartilhe: